De volta by Rita Pinheiro

Em Slow motion, depois do Natal e de uma semana muito bem passada na Retrosaria, em óptima companhia!

Regressei obcecada por lãs e agulhas. Já acabei as minhas mangas, que comecei ainda durante a venda de Natal, com a ajuda da Rita e da Ana. Agora preparo-me para tentar as cinco agulhas ( é tão bonito ver trabalhar com elas que não resisti a comprar umas para mim). A Ana explicou-me o básico,  mas ainda não sei o suficiente para tentar meias tão lindas como a vi fazer.

A tarte de maçã da minha mãe vista pela Joana Rosa Bragança

bonecas e bichinhos by Rita Pinheiro

Quem quiser ver estes e outros bonecos Matilde beldroega ao vivo, poderá fazê-lo na venda de Natal da Retrosaria, de 17 a 23 de Dezembro, inclusive ( encerrada no domingo dia 18).

Apareçam!

Retrosaria Rua do Loreto, n.º 61, 2.º dt.º 1200-241 Lisboa das 10h00 às 19h00

( * Na venda de Natal não temos multibanco )

...............................................................................................

Hoje estou aqui

pasta by Rita Pinheiro

Fazer massa é viciante!

Dá algum trabalho, o pior são as horas em pé, mas vale mesmo a pena fazer massa caseira, especialmente se tivermos a ajuda da uma máquina de estender.

Esta foi a primeira vez que experimentámos fazer Tagliatelle e para primeira vez, ficámos muito contentes com o resultado. Uma parte comemos fresca, na refeição seguinte, a restante ficou a secar neste estendal improvisado

Pessoalmente acho os cortadores da máquina muito finos, gosto da massa mais larga. Da próxima vez que fizer este tipo de massa vou experimentar cortá-la à mão.

As possibilidades criativas de fazer massa em casa são inúmeras. Divirto-me imenso a pensar em ingredientes e cores para as massas, recheios, formas, etc, etc...