pela mata até ao castelo / by Rita Pinheiro

Quando nos mudámos para Tomar a Mata dos Sete Montes estava fechada e assim permaneceu até há bem pouco tempo. A causa foi o tornado que este inverno passou por cá provocando vários estragos e atingindo fortemente a mata

Ter 39 hectares de verde, bem no centro da cidade (um verdadeiro luxo), para explorar, andava a fazer-me cócegas na imaginação. Agora que reabriu ao público, com horário alargado, é com muito prazer que me passeio, exploro caminhos, tiro fotos... ando feliz da vida à descoberta.

Acho muita graça à formalidade da entrada, à jardim francês. À medida que vamos avançando o formato geométrico arrumadinho do início dá lugar à mata propriamente dita - Densa, embora se perceba que perdeu muitas árvores de grande porte no temporal, antiga, com bonitas variações de luz, caminhos labirínticos (também é verdade que o meu gps interno é muito faquinho sendo possível perder-me em sítios perfeitamente meus conhecidos), o Castelo no topo e a linda Charolinha num dos caminhos, fazem desta mata um dos meus locais de eleição.

Como deve ser linda no outono!