O melhor sítio / by Rita Pinheiro

Esta zona do rio é muito apreciada pelas aves que por aqui vivem.

Como se situa numa das margens da ponte mais antiga de Tomar, numa zona da cidade de que gosto particularmente, é-me impossível passar sem espreitar.

Gosto particularmente de dois dos seus frequentadores: Uma Garça-real (Ardea cinerea), enorme (parece um dinossauro), que só descobri há pouco tempo, e um melancólico Goraz (Nycticorax nycticorax). Penso que as duas pontas desta construção são disputadas por ambos- Se está um, não está o outro, porque é corrido. Já assisti a uma zanga entre as duas garças, por esse motivo depreendo que é assim. Estas fotos foram tiradas em dias diferentes

De manhã a ponta mais afastada é a ideal. À tarde, esta mais perto é a melhor porque embora também ao sol é mesmo assim mais recolhida.

Bom sítio para refrescar e para pescar - A garça-real estica-se toda para a frente e zás, num instante pescou dois, eu vi, mas estava sem máquina!

Não sei se são machos, se fêmeas ou macho e fêmea, mas suspeito que o Goraz é macho (já lhe dei um nome, o que é um bocadinho ridículo...)